top of page
46435423,.jpg
logodecifrandotdah.png

Talvez você já tenha se perguntado…

Por que as outras crianças vão bem na escola, e o seu filho não?

Por que as outras crianças se comportam, e o seu filho não?

Mãe, pai, você sabe o porquê do seu filho ter TDAH?

Mais de 90% do que você escuta sobre TDAH, Déficit de Atenção e Hiperatividade é apenas parte da história.

Os pais têm um papel fundamental tanto na redução quanto na piora dos sintomas, e no vídeo abaixo você vai entender isso:

O TDAH é um transtorno multifatorial. Se você entende o contexto familiar de vocês e aplica as técnicas certas na rotina do seu filho, é possível reduzir os sintomas do TDAH drasticamente.

Para experimentar o método e conquistar uma rotina familiar com muito mais paz, tranquilidade e amor no seu lar, clique no botão abaixo:

Atenção!

Esse curso é voltado para adultos: em particular, pais, mães, avós e profissionais da área de saúde.

DESTAQUES (1080 × 1080 px).png

Garantia de 30 Dias

DESTAQUES (1080 × 1080 px) (1).png

Acesso Vitalício

DESTAQUES (1080 × 1080 px) (3).png

Comunidade de pais e mães

Você pode testar o método na prática e decidir dentro desse período se é o que você e seu filho precisam ou não.

Pode assistir ao curso quantas vezes quiser e ter acesso a todas as atualizações dele.

Você vai ter contato com quem passa pelos mesmos desafios que você e também está priorizando ajudar os filhos com TDAH.

Você sabe o que é o TDAH?

O TDAH é a necessidade de se autoproteger.

 

O cérebro de uma criança com TDAH funciona de modo que tudo ao redor dela é lido como uma “ameaça”. E por estar em constante estado de estresse, o corpo do seu filho experimenta níveis altos de cortisol, o hormônio do estresse, e baixos níveis de dopamina, o hormônio do prazer.

 

Os sintomas do TDAH em meninos costumam ser muito mais aparentes, com hiperatividade, explosões de humor, agressividade, desobediência ou desafiar os pais.

 

E em meninas, o TDAH é muito mais sutil e costuma se manifestar como timidez, isolamento social, dificuldade de organizar pensamentos, ser muito sonhadora, desorganização em geral, impulsividade principalmente na hora de falar.

 

Acontece que existem rotinas, comportamentos e gatilhos presentes na rotina de vocês como família que podem piorar e muito os sintomas do TDAH no seu filho.

 

É por isso que o seu filho vai na psicóloga, mas continua dando problema na escola.

 

É por isso que por mais que ele seja castigado, continua te desobedecendo, enfrentando.

 

É por isso que por mais que você ajude no dever de casa, estude com ele, é como se o conhecimento não fosse absorvido de jeito nenhum.

Então como resolver?

Se você muda a rotina de vocês e evita esses gatilhos, os sintomas vão naturalmente diminuir.

 

Esses gatilhos você não vê e não percebe porque está lidando diariamente com os problemas que o TDAH traz pra vida de vocês.

 

E é aí que o método “Decifrando o TDAH do seu filho” vai agir: você vai aprender exatamente o que você precisa fazer (e não fazer) para que os sintomas do TDAH do seu filho diminuam drasticamente.

Veja as mudanças que essas famílias experimentaram com o Método Decifrando

Quando eu olhei pro meu filho e percebi que aquilo não era pirraça, mas um pedido de socorro, as coisas se acalmaram.

 

Eu identifiquei o meu filho em todas as situações que o Fabrício descreve no curso. As soluções que ele propõe são tão simples, e eu percebi que eu não fazia nada daquilo. A gente como pai e mãe erra tentando acertar. Fomos mudando de atitude e em 1 mês meu filho tá mais calmo, bem menos ansioso, até as notas já melhoraram, e não precisou começar a tomar medicação.

 

O curso foi um divisor de águas pra nossa família, conquistamos muita paz e tranquilidade.

Elaine Rodrigues de Melo

Mãe de menino de 14 anos com TDAH

Eu tava sofrendo pelo sofrimento dela. Não sabia por onde começar, o que fazer, cheguei a me perguntar onde eu errei…

 

A Nathália vivia sempre encurvada, sem vontade, como se tudo fosse um saco. Só ficava dentro do quarto dela, no mundo dela, minha preocupação era que acontecesse o pior. E aí ela mudou da água pro vinho. Agora ela tá muito mais aberta: pra vida, pra nós, eu tô feliz demais, agora vejo que na verdade eu não errei, foi um momento difícil ali dela e superamos. Sei que pode vir perrengue, mas sei que vai ser passageiro. Se a minha filha tá confiante e feliz, eu tô confiante e feliz.

Belkis Arcoverde

Mãe da Nathália de 14 anos com TDAH

O meu relacionamento com a minha filha estava angustiante…


Com o curso, eu percebi que era uma mãe bastante autoritária, perfeccionista, e cobrava muito da minha filha, isso só fazia nosso relacionamento piorar. O curso abre caminhos pras pessoas entenderem como lidar da melhor forma com o TDAH. Meu marido também tem TDAH e se interessou pelo curso, meu relacionamento tanto com ele quanto com minha filha têm melhorado depois que eu entendi o que fazia piorar os sintomas deles e mudei de atitude.

Ivanilda Moha Vicente

Mãe de uma menina de 12 anos com TDAH

Meu filho de 8 anos assiste o curso comigo, e tem ajudado ele a ter mais foco. Ele mesmo percebe a importância de precisar ter mais foco, e inclusive percebe quando tá se distraindo e precisa voltar. O Fabrício tá fazendo parte do nosso dia a dia e desse processo que é ver meu filho cheio de energia, brincando, mas tendo mais atenção nos momentos que ele precisa na escola, nas provas.

Daniele Assunção da Silva

Mãe do João de 8 anos com TDAH

Hiperatividade, déficit de atenção pra uma coisa, hiperfoco pra outras, baixa autoestima, um medo inexplicável que surge de repente.

 

Eu reparei nesses sintomas e comecei a estudar sobre o TDAH. O curso ajudou muito na minha relação com o meu filho, porque também é um tratamento pra nós, pais e mães, e assim conseguimos entender os comportamentos dos filhos. É tudo bem explicado e com técnicas que dá pra aplicar no dia a dia. Eu fiquei encantada, me fez muito bem e ajudou muito a nossa família, muita coisa já conseguimos mudar e já sentimos a diferença no comportamento dele.

Danúbia Barros Cordeiro Cabral

Professora e mãe de menino de 8 anos com TDAH

Era como se dentro dele as coisas estivessem totalmente desordenadas e bagunçadas…


Meu filho é o Henrique, um adolescente de 16 anos, no meio desse caos de escola, vestibular e escolhas da vida ele ficava muito perdido. Antes, ele começava a estudar uma coisa, e quando via já tava fazendo outra completamente diferente, esquecia de tudo. Era como se estivesse tudo bagunçado, tudo desordenado dentro dele. Hoje ele já tem metas definidas pra vida, sabe por quê tá estudando, consegue dizer o que sente. É outro Henrique.

Yonara Gonçalves

Mãe do Henrique de 16 anos com TDAH

A melhor coisa é aprender com quem sabe ensinar e conhece o assunto.

 

É um pouquinho que a gente aprende e já conseguimos tratar o filho diferente, conseguimos ser mais flexíveis nos problemas e nas necessidades deles. Vale a pena investir nos nossos filhos, porque eles sofrem com esse problema, e a gente precisa ajudá-los. Meu filho veio me agradecer: “Mãe, obrigado por me ajudar, eu sinto que você está tentando me ajudar e tá resolvendo”.

Letícia de Almeida Trindade

Mãe do YAN de 16 anos com TDAH e TOD

Através do curso consegui entender o que estava acontecendo com o meu filho de 6 anos e mudar o meu comportamento. Eu já tô vendo os resultados dessa busca de entender o TDAH, tá fazendo muito bem pra nossa família, sei que preciso melhorar cada vez mais. Muito obrigada, Fabrício, por essa bênção na nossa vida.

Elaine Beraldi de Oliveira

Mãe do Davi Luís de 6 anos com TDAH

No curso aprendi que nós, pais e mães, na melhor das intenções, acabamos errando e prejudicando questões emocionais dos nossos filhos. E o curso ensina exatamente como a gente, pai e mãe, podemos consertar isso, como fazer diferente pra ter um resultado diferente com os nossos filhos.

Cécili Agda de Arruda

Advogada, Psicanalista e mãe de 5 filhos sendo dois filhos de 5 anos com TDAH

Um diagnóstico não define o seu filho.

 

Dentro do curso tem técnicas importantes pra aplicar no dia a dia das crianças e que servem tanto para mais e mães quanto para terapeutas. Gostei muito da visão que o Fabrício possui, uma visão mais integrativa e mais sistêmica do diagnóstico de TDAH, porque gente entende todos os processos neurológicos, mas ele inclui também a família, o ambiente, e todo o contexto que a criança está e como isso pode afetá-la.

Simone Nunes Cordeiro

Psicoterapeuta

"Comecei a fazer o curso por causa dos meus netos e estou adorando. Fabrício é muito didático, fala muito bem e tem muito conhecimento, vale muito a pena, recomendo".

Tatiana Picerno Guerra

Vovó de 2 crianças de 4 anos com TDAH

Nós temos mais de 64 vídeos como esses, mas a página ficaria muito grande se colocássemos todos. Em respeito ao seu tempo, colocamos apenas alguns aleatórios.

Para conhecer as técnicas que levaram essas mães a diminuírem os sintomas do TDAH de seus filhos e conquistar uma rotina familiar com muito mais paz, tranquilidade e amor no seu lar, clique no botão abaixo:

DESTAQUES (1080 × 1080 px) (9).png

Comunidade de pais e mães

DESTAQUES (1080 × 1080 px) (11).png

Acesso Vitalício

DESTAQUES (1080 × 1080 px) (10).png

Garantia de 30 Dias

Você pode testar o método na prática e decidir dentro desse período se é o que você e seu filho precisam ou não.

Pode assistir ao curso quantas vezes quiser e ter acesso a todas as atualizações dele.

Você vai ter contato com quem passa pelos mesmos desafios que você e também está priorizando ajudar os filhos com TDAH.

O que você vai aprender:

O que é TDAH de acordo com a ciência e como ele se manifesta na rotina familiar: “É um estado de alerta constante do corpo“

Como esse transtorno funciona no cérebro e reflete nos comportamentos: “Não é malcriação, é pedido de socorro“

O ambiente enquanto ativador de gatilhos internos de insegurança no TDAH: “Os maiores medos e inseguranças do seu filho“

As origens emocionais do TDAH: “O seu filho não consegue te falar que está em sofrimento“

Quais traumas (principalmente não-intencionais e não tratados) podem ser gatilho pra piora dos sintomas: “Parece que não machuca, mas machuca e muito“

Sintomas de TDAH que você nem faz ideia: “É TDAH ou só falta de interesse?“

Como melhorar sensações e sintomas do TDAH: um plano de ação diário na sua rotina familiar

Você vai ter acesso imediato a 05 bônus:

DESTAQUES (1080 × 1080 px).png

3 técnicas infalíveis para melhorar a relação dos pais com os filhos com TDAH

DESTAQUES (1080 × 1080 px).png

Entendendo algumas origens do TDAH pela Neurociência

DESTAQUES (1080 × 1080 px).png

Como os avós podem ajudar o TDAH do neto

DESTAQUES (1080 × 1080 px).png
DESTAQUES (1080 × 1080 px).png

Como melhorar o relacionamento do casal para melhorar o TDAH dos filhos

Ebook Decifrando o Sofrimento dos Seus Filhos

DESTAQUES (1080 × 1080 px) (12).png

Assista ao vídeo no topo da página para aprender como cada protocolo funciona e como você poderá ajudar seu filho da melhor forma!

Alguma dúvida?

A nossa equipe está pronta para te ouvir e conversar com você no WhatsApp, é só clicar no botão abaixo:

Razão social
 

IFNSI CURSOS, LIVROS, TREINAMENTOS E DESENVOLVIMENTO LTDA

CNPJ – 50065849000111

Endereço do Instituto
 

Endereço: SMHN Quadra 02 Ed. Cléo Octávio, BL B Sala 908 - Asa Norte, Brasília - DF, 70710-146

WhatsApp - 61 9 9998-6181

Telefone -  (61) 3256-4253

bottom of page